O BBVA conta com a melhor ‘app’ de banca móvel do mundo. Isso mesmo confirma o último estudo ‘2017 Global Mobile Banking Benchmark’, publicado pela Forrester Research e no qual se analisaram as ‘apps’ de 53 das principais entidades de banca de retalho de 18 países.

Os serviços de banca móvel do BBVA obtêm uma valoração final de 87 pontos sobre 100, a mais elevada desde que o inicio do ranking global da Forrester em 2013. O resultado situa o BBVA 24 pontos acima da média mundial.

Para a Forrester, a banca móvel do BBVA destaca-se por uma “funcionalidade sem igual”, com uma “melhoria extraordinária” nos últimos três anos.

“Pusemos o pé no acelerador para integrar no nosso modelo de negocio todos os avances digitais que os nossos clientes nos pedem e necessitam para tomar melhores decisões financeiras nas suas vidas. Este reconhecimento é o melhor indicador de estamos no caminho certo para liderar a banca digital do futuro e criar oportunidades para os nossos clientes”, afirma Cristina de Parias, diretora do BBVA Espanha.

A análise da Forrester indica que os serviços móveis do BBVA se destacam notavelmente em categorias como a interação entre diferentes canais, onde obtém a nota máxima (100), o número de funcionalidades que permitem realizar transações, é o maior a nível mundial.

Aurélie L’Hostis, analista da Forrester e coautora do estudo, assinala que o BBVA “é  realmente um banco que coloca o cliente no centro da sua atividade, e isso reflete-se na forma como desenvolve os serviços de banca móvel”.

 

Cada vez mais móveis

O BBVA conta com 14 milhões de clientes móveis (dados de maio de 2017), mais 41% do que em igual período do ano passado o que confirma que os clientes fazem um uso cada vez mais intensivo dos serviços móveis.

Em Portugal, O BBVA tem já 66% dos seus clientes a utilizar os canais digitais.

 

Análise de referência

A edição de 2017 do estudo da Forrester avaliou os serviços de banca móvel de acordo com 39 critérios de funcionalidade e 15 de usabilidade. Segundo explica o estudo, a Forrester procura medir de que forma estas características “atendem às necessidades dos clientes e os ajudam a alcançar  os seus objetivos”.  A análise é a única que aplica um parâmetro específico sobre usabilidade, que tem um peso de 25% na pontuação final.

Ao tratar-se de serviços de banca móvel, o objetivo de análise da Forrester não é estático e vai-se ajustando à evolução das necessidades e expectativas dos clientes.

O estudo mundial da Forrester analisou as ‘apps’ de 53 das principais entidades de banca de retalho de 18 países. Na Europa (Espanha, Reino Unido, Alemanha, Itália, entre outros), América do Norte (EUA, Canadá e México), América do Sul (Brasil), África (África do sul), Asia (China, Índia) e Oceânia (Austrália e Nova Zelândia).

 

 

Wednesday the 19th. Câmara de Comércio e Industria Luso Espanhola © 2017 - Joomla Site Templates